A Goodyear explora a neve

 
 

Explore as pesquisas mais recentes sobre a neve

Num laboratório de neve de alta tecnologia, os nossos engenheiros investigam a ciência da neve. Possui uma ligação muito próxima à suprema disciplina do desenvolvimento de pneus de inverno. Porque as propriedades da neve influenciam diretamente o desempenho de um pneu.

 

A neve é uma ciência

 

A neve é um milagre

Cada floco de neve é um pequeno milagre, uma formação única de milhares de milhões de cristais de gelo. E, no entanto, todos os flocos têm uma coisa em comum: seis cantos; ou mais precisamente, uma simetria hexagonal. Porquê? As moléculas de água dispõem-se sempre num ângulo de 60 ou 120 graus.

A neve não é neve

A neve caída surge de várias formas diferentes. Uma investigação realizada pela Universidade de Glasgow mostra que os escoceses têm o maior número de designações para a neve - nada menos do que 421 palavras.

A neve altera a sua massa

Enquanto a neve seca em pó pesa 30 kg/m³, a neve compacta no solo pode atingir uma massa de 500 kg/m³ e a neve firme pode ascender aos 800 kg/m³.

A neve evolui

Na verdade, o estado da neve está em constante mudança porque os cristais individuais de neve crescem em conjunto nos seus pontos de contacto. Este processo físico é designado por sinterização.


 

Lições de física sobre estradas com neve

 

A quantidade de neve que adere ao piso depende das propriedades da neve. Um fenómeno que pode ser visto facilmente.

 

Se um automóvel circular sobre neve fresca em pó, o pneu fica completamente coberto de neve. A neve compacta permanece nos sulcos do piso, que fica com um aspeto preto e branco. Se a neve já estiver dura e consolidada, não adere ao piso e o pneu permanece preto. Além disso, esta interação entre a neve e o pneu é influenciada por outros fatores, como a temperatura do ar e a velocidade.

Na verdade, os pneus de inverno têm o melhor desempenho quando todas as extremidades aderentes estão expostas. Se não existir neve no pneu, os inúmeros sulcos do piso funcionam de forma ideal. Um pneu de inverno de tamanho médio e qualidade superior, como o Goodyear UltraGrip Performance+, dispõe de mais de 2500 lamelas especialmente concebidas para uma aderência ideal.


 

Investigação no laboratório de neve

No laboratório de neve de alta tecnologia do Centro de Inovação da Goodyear no Luxemburgo, os nossos ambiciosos engenheiros examinam as propriedades da neve até ao mais ínfimo pormenor. Aqui, a temperatura varia entre 0 e -40 °C.


 

Produção de neve natural

Numa máquina especial, produzimos cristais de neve naturais de várias formas.

 

Análise estrutural de amostras de neve

Os nossos engenheiros analisam amostras de neve através de tomografia micro-computorizada e criam modelos 3D informativos de amostras de neve utilizando software moderno.

 

Teste de fricção na neve

Os engenheiros combinam diferentes tipos de neve para simular estradas com neve. Os cientistas de materiais utilizam um tribómetro para estudar a fricção do pneu na neve, de forma a otimizar os compostos de borracha, os desenhos do piso e as disposições das lamelas.


Os resultados do laboratório complementam na perfeição os resultados dos pilotos de testes que testam pneus novos em pistas de testes de inverno reais na Suíça, Escandinávia e Nova Zelândia. Os conhecimentos práticos e de laboratório passam diretamente para o desenvolvimento dos pneus de inverno Goodyear UltraGrip.

 

Descubra já os pneus UltraGrip Performance+, os nossos pneus de inverno de alto desempenho

Vídeo sobre a tecnologia Winter Grip
 

Vídeo sobre a tecnologia Traction Protect